Tal mãe, tal filha que fala né? Este é o chá de bebê da minha filha Isabela em 2018 e não podia escolher outro tema a não ser bailarina. Provavelmente irei repetir este tema em algum aniversário, mas pra garantir já fiz no chá, vai que ela não goste de bailarinas, né? Pra quem não sabe fui bailarina até meus 27 anos (qualquer dia conto pra vocês sobre isso).

Voltando ao chá, não foi possível fazer uma grande decoração pois foi um período que mudamos do apartamento para uma casa. Em meio a toda a mudança, tivemos 1 mês para arrumar tudo e ainda organizar a festa, ou seja, foi improvisado mesmo!

Reservamos o salão de festas do condomínio e dessa vez eu não contratei decoração, nem garçom… somente comes e bebes. Eu tive ajuda de uma prima e tia do meu marido para fazer as bailarinas de saia de tule e as lembrancinhas. Eu comprei algumas caixas de presente para usar de suporte para os doces e usei o que tinha em casa para arrumar a mesa. Toalhinhas bordadas pela minha mãe e de última hora fiz o bolo de fralda.

Cartela de jogo. Descubra, quem é este bebê?
Enquete para os convidados.

Confesso que não ficou do jeito que eu imaginava mas até que ficou bonitinho. Fiquei contente de ter a ajuda da família e amigos para organizar tudo e servir os convidados. Foi uma típica festa em casa!

Fiz uma brincadeira com os convidados, tipo uma enquete, com umas cartelinhas com várias fotos de bebês e tinham que assinalar quem eram os bebês (pai, mãe, irmão ou bebê). No final recolhemos as cartelas com as respostas. Quem acertou tudo ganhou um brinde.

Dinâmica super simples, somente para descontrair e gerar uma interação entre os convidados. Foi divertido ver a competição e as famílias tentando adivinhar se era o pai ou a mãe! Rendeu boas risadas!

Na personalização, além das cartelas de jogo e bailarinas, fiz os toppers de doces, convite digital e tags para lembrancinhas.

Doces: Sueli Chella Doces Finos

Em breve irei disponibilizar esses arquivos grátis aqui no site para download. Aguarde!